General Câmara | Prefeito Helton Barreto faz retrospectiva de 2018

O prefeito de General Câmara, Helton Barreto esteve na Rádio Gazeta do Jacuí na manhã da quinta-feira (27) para fazer uma rápida retrospectiva do seu governo em 2018. Na oportunidade o vereador e ex-secretário de agricultura, André Zanette também apresentou um resumo do seu período frente à pasta.

Helton falou de educação, saúde, obras, assistência social, turismo, esportes, administração e funcionalismo. O gestor disse que em dois anos conseguiu realizar 60% do que propôs no plano de governo que foi apresentado durante sua campanha política. “Mesmo pagando mais de um milhão em precatórios, que não esperávamos, conseguimos realizar diversos projetos. Mas o mais importante é estar perto da comunidade”, vibrou.

Na entrevista, citou o Programa de Integração Tributária que repercutiu em um aumento superior a R$ 40 mil na arrecadação, além de credenciar importante pontuação no Ministério da Fazenda.

Elencou os investimentos na área da educação. “Estou muito feliz de poder colocar ar-condicionado em todas as salas de aula das escolas do município. Tivemos um grande avanço com a implantação do “sistema Brasil” da editora Positivo, que representa um material didático riquíssimos para nossos alunos”, emendou.

Lembrou a recuperação e manutenção de mais de 400 km de estradas de chão, construindo bueiros e facilitando o acesso à propriedades rurais do interior. Disse que busca para 2019 uma patrola nova, para reforçar o serviço na pasta.

Na área da saúde, lembrou a aquisição de vans para transporte de passageiros que necessitam fazer exames em outras localidades, a compra de uma ambulância com apoio da Câmara de Vereadores e lamentou o déficit de dois médicos que deixaram o município com a saída dos profissionais cubanos do Programa Mais Médicos.

O vereador André Zanette deixou a pasta da agricultura com a sensação de dever cumprido. Vibrou com o legado que fica para o município. Citou a reativação das hortas escolares, a inclusão de General Câmara em um programa que permite que os produtores da cidade vendam para outros lugares. Citou as estufas de morango, feitas com materiais reciclados que deram um resultado superior ao esperado e que são modelos no Estado. Relembrou o fortalecimento das associações, dando autonomia para que as mesmas exerçam as suas funções plenamente e destacou as interiorizações de governo, que aproximaram a comunidade da prefeitura. “Agora na Câmara de Vereadores quero manter o trabalho forte que estava desempenhando. Incentivar o jovem a permanecer no campo e utilizar as emendas impositivas no interior” disse Zanette.